NSA roubou chaves de encriptação do maior fabricante de cartões SIM

Novos documentos divulgados por Edward Snowden referem que agências de espionagem norte-americanas e britânicas acederam à rede interna do maior fabricante mundial de cartões SIM e roubaram as chaves de encriptação usadas para proteger os dados dos utilizadores.

De acordo com o The Intercept, este hack aos sistemas internos da empresa Gemalto, que tem sede na Holanda, foi resultado de uma parceria entre a norte-americana NSA e a britânica GCHQ.
Refira-se que a Gemalto opera em 44 países e conta com 1,5 mil milhões de utilizadores a nível mundial, desenvolvendo, por exemplo, cartões SIM, chips para cartões de crédito e software de segurança. Dos cerca de 2 mil milhões de cartões SIM que a Gemalto produz todos os anos, cada um deles contém uma chave de autenticação individual.
Segundo a ZDnet, as chaves de encriptação destes produtos foram roubados, o que significa que as agências de espionagem passaram a ter o potencial de escutar as comunicações de grande parte do planeta.
Em muitos países, as forças de autoridade podem pedir para escutar legalmente as comunicações de um suspeito através de uma autorização judicial, mas a posse das chaves de encriptação permite às agências aceder às comunicações sem deixar rasto.
EI


0 Comentarios to "NSA roubou chaves de encriptação do maior fabricante de cartões SIM"

Since 2005

Translate

Subscribe via email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Total Views

Pesquisar neste blogue

Blog Archive

Rating Posts

Copyright

Creative Commons License
Web hosting for webmasters