Atualização mensal da Microsoft corrige vulnerabilidade FREAK

 

Aquela que foi a última grande vulnerabilidade a ser descoberta já está a ser corrigida pelas grandes tecnológicas. Depois da Apple, agora foi a vez da Microsoft endereçar o problema através do Patch Tuesday.

Ontem, 10 de março, foi dia de Patch Tuesday – a segunda terça-feira de cada mês na qual a Microsoft disponibiliza um conjunto de atualizações de segurança para os seus produtos. Neste último update a tecnológica norte-americana resolve dois problemas graves que deixavam expostos os computadores com Windows. 

Trata-se da vulnerabilidade FREAK – que fez manchetes na semana passada – e também do vírus Stuxnet – que a Microsoft já tinha corrigido em 2010, mas que voltou a merecer a atenção da empresa. 

Ao todo a Microsoft disponibilizou 14 correções para os seus produtos, cinco das quais são consideradas com críticas. 

No caso do problema de segurança FREAK existe a possibilidade de os piratas informáticos intercetarem a comunicação feita entre computador e servidores, caso a mesma fosse feita através dos protocolos de segurança SSL/TSL. 

Recorda-se que apesar de o Windows também ser afetado, os browsers da Apple e do Android da Google estão entre os que estão mais expostos à vulnerabilidade FREAK - que resulta de uma falha de segurança que tem por base uma imposição feita pelos EUA na década de 90. 

Uma investigação feita a alguns sites revela que em Portugal existem pelo menos 87 páginas de Internet de alto perfil vulneráveis à FREAK, sendo que o site do Parlamento é um dos incluídos na lista. 

TeKSapo


0 Comentarios to "Atualização mensal da Microsoft corrige vulnerabilidade FREAK"

Since 2005

Translate

Subscribe via email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Total Views

Pesquisar neste blogue

Blog Archive

Rating Posts

Copyright

Creative Commons License
Web hosting for webmasters