Opinião: 10 conselhos para proteger a sua intimidade nas redes sociais

Outubro é o mês da cibersegurança na Europa, com várias iniciativas a assinalá-lo. Com a relevância que as redes sociais assumiram na nossa vida digital, Pedro Leite, da S21sec, escolhe o tema para deixar um conjunto de recomendações para uma navegação mais segura.


Por Pedro Leite (*)
As redes sociais são uma forma de interação social e um dos serviços mais requisitados pelos cibernautas. Hoje em dia, as Redes Sociais constituem um dos exemplos das aplicações mais utilizadas na denominada Web 2.0 e a sua utilização está a crescer diariamente e de forma vertiginosa.
O seu valor como meio de comunicação é inegável, mas para poder aproveitar tudo o que as redes sociais nos oferecem sem colocar em causa a nossa privacidade é necessário adotar determinadas medidas. Enquanto profissional que trabalha na área da cibersegurança, proponho algumas recomendações para fazer um uso seguro das redes sociais: 
1.- Não indique dados pessoais como a morada, o local de trabalho ou o número de telefone. Esta informação pode permitir que estranhos o localizem, não conhecendo as suas intenções.
2.- Para a sua conta de utilizador utilize uma palavra-passe complexa e difícil de adivinhar. Se outra pessoa descobrir a sua password, pode aceder a toda a sua informação e pode mesmo roubar a sua identidade na Net. De acordo com um estudo da ENISA sobre os riscos no mundo virtual, o roubo de identidade é neste momento o problema mais preocupante. 
3.- Se quiser incluir informação sobre os seus gostos ou preferências, tenha em conta que poderá ser alvo de um ataque de publicidade não desejada relacionada com a informação que deu a conhecer.
4.- Algumas redes oferecem a possibilidade de utilizar a sua conta de correio eletrónico para localizar os seus amigos baseando-se na sua lista de contactos. Tenha em consideração que, caso aceite esta opção, não deve facultar a ninguém a password de acesso à sua conta de correio electrónico, já que existe o risco de acesso às suas mensagens pessoais e profissionais.
5.- Fornecimento de dados bancários ou de cartões de crédito. Se deseja realizar uma compra ou efetuar um pagamento através da Internet, verifique que utiliza os meios de pagamento seguro mais habituais (ex. ligação https:, Verified by visa, cartões pré-pagos, …).
6.- Nunca faculte informação sobre a sua situação laboral, familiar ou futuros planos de viagem. Com esta informação, alguém pode saber que vai estar fora da sua residência, resultando numa situação propensa a roubos.
7.- Quando fizer upload de fotos ou de vídeos tenha em conta que as redes sociais obrigam o utilizador a abdicar dos direitos deste material, pelo que a sua privacidade pode ser gravemente afetada.
8.- Não publique fotos comprometedoras sem definir o grupo de pessoas que poderão ter acesso às mesmas.
9.- Não confie sempre no que encontra na Net, e em especial nas opiniões que possa encontrar sobre temas mais “sensíveis”, já que não há garantia da sua veracidade e pode tratar-se apenas de um engodo para captar a sua atenção e assegurar a sua confiança.
10.- Antes de acrescentar um novo contacto à sua lista de amigos, informe-se bem sobre este e avalie se deve ou não incluí-lo na lista perguntando a opinião ao seu grupo de amigos mais próximos, de maior confiança.
Tomar este tipo de medidas básicas faz com que possamos evitar muitos problemas de privacidade.

(*) Vice Presidente da S21sec para Portugal
TeK


0 Comentarios to "Opinião: 10 conselhos para proteger a sua intimidade nas redes sociais"

Since 2005

Translate

Subscribe via email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Total Views

Pesquisar neste blogue

Blog Archive

Rating Posts

Copyright

Creative Commons License
Web hosting for webmasters